Arquivo mensal: maio 2012

2012 será o último ano de liderança da VMWare segundo afirmação da Microsoft!

  • Resumão da apresentação do System Center 2012 – primeira parte

Agenda do evento:

A microsoft abriu o evento apresentando um vídeo aonde declarou a seguinte frase !

2012 será o último ano de liderança da VMWare!
By: Microsoft

 

Danilo Bordini – Gerente de Produto Microsoft, abriu o evento anunciando que no momento haviam aproximadamente 350 pessoas conectadas assistindo o evento pela internet, e que há cerca de 2 semanas atrás já estavam esgotados todos os convites presenciais ao evento, citou também alguns dos parceiros de nomes de peso como HP e Dell.

Veja uma pequena parte da abertura do evento!

Paula Bellizia – Diretora de Marketing e Operações apresentou números referentes a oportunidade de mercado de  Nuvem Privada.

Danilo Bordini mostrou a evolução dos datacenters (Servidores Físicos, Virtualizados , Nuvem Privada e Nuvem Pública).

Futura distribuição dos modelos de computação;

Bordini, abordou bastante os conceitos a respeito de Computação em Nuvem e Consumerização e Nuvem Híbrida .

Em seguida foi a vez do mestre Fabio Hara comandar,  mostrou aquilo que todos nós esperavamos ver!


Funcionalidades do System Center Virtual Machine Manager 2012.

  • Como o Novo serviço de Template 2012 aonde frisou a interoperabilidade do VMM ao poder gerenciar hosts físicos de outros fabricantes como Citrix e VMWare.

Mostrou o recurso de “Dynamic Memory” aonde podemos aumentar a memória da máquina virtual sem desligá-la.
Mostrou também o recurso que o VMM injeta roles e features dentro das máquinas virtuais  e mostrou superficialmente o recurso de “desacoplar a aplicação do servidor” (ou seja do hardware propriamente dito) baseado em aplicações que suportem scripts.

Criou uma nuvem privada , mostrou mais uma vez recursos de interoperabilidade ao poder  adicionar um “Resource Pool do VMware” dentro do VMM na nuvem.

Daniel Camillo,  falou sobre monitoramento na Nuvem Privada apresentou o “Operations Manager 2012” apresentando mais uma vez Interoperabilidade – Unix e Linux
citou algumas distribuições linux como red hat, cent os entre outros, além de devices dos seguintes fabricantes (Cisco, HP e Dell) entre outros fornecedores.

Mostrou o gráfico aonde podemos “visualizar “ o impacto caso vier a falhar um equipamento de rede, aonde podemos mensurar seu impacto para o ambiente como um todo.
Mostrou que o Operations Manager está preucupado também com o “monitoramento do serviço das aplicações” (lentidão ou falha) mostraram a integração com o TFS2010 (aonde a equipe de Sistemas/Desenvolvimento compartilha com a área de Infraestrutura um Sistema de monitoramento pró ativo para  debug´s dos comportamentos e anomailias de uma aplicação e faz a resolução de incidentes e tratativa do mesmo) em pró do aperfeiçoamento do ambiente como um todo.

Foi comentado que o System Center é a solução mais aderente ao ITIL V3 segundo grandes pesquisas de mercado.

Para nos deixar com água na boca foi apresentado superficialmente o “Windows Server 2012” aonde a versão “RC” será lançada na primeira semana de Junho, e a versão final do produto até final do ano segundo Bordini.

HyperV 3.0 estará no  Windows Server 2012 teremos o recurso de Teamming das placas de rede nativamente no Windows Server, antes era necessário o suporte e solução de terceiros não era algo nativo.

O Hyper-v suportará até  1TB de RAM, 32 Processadores Virtuais .
Poderemos atachar até 256 vhds em uma VM.

Poderemos “criar réplicas” de uma VM, em um  segundo datacenter enable replication com rede Giga, após criar a réplica podemos  analisar a saúde da replicação que efetuamos.
Através do “Planned failover” analisar e subir a máquina replicada no outro datacenter .

Aperfeiçoado o live migration antes dependia era pré requisito a utilizacao de uma Storage Externa e dependia  também da criação de  Cluster, já no novo Hyper V  3.0 no Windows Server 2012 isso pode ser feito com com discos Locais sem Storage ou fibra isso com Ethernet GB.

A migração a quente , “live migration” pode ocorrer sem um cluster ou uma Storage externa !

Danilo, novamente fez um pequeno resumo.

Foco na aplicação – Infraestrutura e Sistemas ;

Interoperabilidade – VMWare , Citrix, Unix , Linux ;

Preparada para o futuro– plataformas mais robustas com desempenho melhor , SAP homologado em Hyper-V ;

Nuvem nos seus termos – Nuvens Privadas ou Públicas ambientes hetereogêneos com gerenciamento do system center (Nuvem Híbrida).
Espero que tenham gostado do resumo para quem não teve a oportunidade de estar presente e nem a oportunidade de assistir pela internet.
Abraços

Aldo Alves
IT – Pro (Infraestrutura)
MCT | VCP | MCITP | MCSA | MCTS | MCDST | MCP | ITIL F | ISO/IEC 27002 |

Anúncios

Microsoft Press disponibiliza ebooks Free para download!

Microsoft Press  disponibiliza ebooks Free em PDF para download!

Clique Aqui para baixar!

Abraços

Aldo Alves
IT – Pro (Infraestrutura)
MCT | VCP | MCITP | MCSA | MCTS | MCDST | MCP | ITIL F | ISO/IEC 27002 |

A diferença entre ser chefe e ser líder !

Você sabe a diferença entre ser Chefe e ser líder?

“ Chefiar é fazer com que as pessoas façam algo. “
” Liderar é fazer com que as pessoas queiram fazer algo. “

Meu amigo Kelsen Lima do “Planning IT Technology” postou um artigo muito interessante definindo  as diferenças entre ser chefe e ser líder.

Muito bom vale a pena a leitura!

Veja mais em:

http://planningit.wordpress.com/2012/05/09/diferencas-entre-chefe-e-lider/

Abraços

Aldo Alves
IT – Pro (Infraestrutura)
MCT | VCP | MCITP | MCSA | MCTS | MCDST | MCP | ITIL F | ISO/IEC 27002 |

O mínimo que você deve saber a respeito de Segurança da Informação !

Segurança da Informação é aquela que visa proteger os “ativos que contém informações“.

Já “ativos de Informação” são aqueles que produzem , processam e transmitem ou armazenam informações.

Os ativos podem e devem ser “classificados” de acordo com a importância destes em sua empresa.

Com base na “classificação dos ativos de informação” é que podemos estabelecer e determinar os “controles de proteção” necessários a cada um desses ativos.

Com o advento da Internet no campo tecnológico e da globalização no campo socieconômico cada vez mais são comuns “incidentes relacionados a Segurança da Informação”, estes incidentes não estão restritos somente a ambientes corporativos mais também afetam inúmeras vezes  o cotidiano das pessoas.

Muitas empresas ainda não caíram na real,  em plena chamada “Era da Informação” muitos gestores de TI desconhecem o assunto, ou não tem profundidade nem perfil afim de exercer um papel em resposta ou de pró atividade afim de evitar um verdadeiro “desastre“em sua corporação.

É preciso “mitigar” os riscos de segurança do ambiente, é preciso fazer a “gestão de riscos”, desenvolver um  plano de continuidade dos negócios e também um plano de recuperação de desastres,  realizar uma análise completa dos ativos mais significantes da empresa e principalmente uma “política de segurança da informação”  bem formulada que atenda e apoie  plenamente as necessidades do negócio da corporação e por fim realizar a “aceitação do risco e comunicação dos riscos” .

É triste a realidade em saber que somente após acontecer um desastre as pessoas começam a pensar nisso.

Culpa não só restrita aos profissionais de TI , mais também que se extende ao desinteresse da alta cúpula da organização.

Muitas empresas não tem uma “Política de Segurança da Informação” um instrumento que visa preservar os chamados 3 pilares Confidencialidade , Integridade e Disponibilidade das informações , Descrevendo a conduta adequada para o seu manuseio , controle , proteção e descarte.

Agora nos diga…

 E sua empresa possui uma Política de Segurança da Informação?

Abraços

Aldo Alves
IT – Pro (Infraestrutura)
MCT | VCP | MCITP | MCSA | MCTS | MCDST | MCP | ITIL F | ISO/IEC 27002 |

Comparando o Google APPS ao Microsoft Exchange !

Você está pensando em utilizar o Google APPS ou o Microsoft Exchange Online ??

A Microsoft  preparou uma página específica para comparar o Google APPS ao Microsoft Exchange Online vale a pena conferir!

http://www.microsoft.com/exchange/en-us/google-apps.aspx
Aldo Alves
IT – Pro (Infraestrutura)
MCT | VCP | MCITP | MCSA | MCTS | MCDST | MCP | ITIL F | ISO/IEC 27002 |

Por que mudar do Lotus Domino/Notes para o Exchange 2010?

Artigo muito bom da Microsoft .

Por que mudar do Lotus Domino/Notes para o Exchange 2010?

Microsoft responde!

http://www.microsoft.com/exchange/2010/pt/br/notes.aspx
Abraços

Aldo Alves
IT – Pro (Infraestrutura)
MCT | VCP | MCITP | MCSA | MCTS | MCDST | MCP | ITIL F | ISO/IEC 27002 |

VMWare Zimbra almejando o mercado do Microsoft Exchange Server

Quem me conhece pessoalmente sabe que sou fã incondicional do Microsoft Exchange Server, ainda mais com essa última versão a 2010, aonde trouxe melhoras significativas , entre elas podemos citar  a da figura abaixo a redução do número de “IOPS” aonde há muitos anos foi um dos pontos de maior atenção dos Implementadores e Administradores de Correio dessa maravilhosa ferramenta.

Você já ouviu falar do Zimbra ou do VMWare Zimbra?

A VMWare comprou a Zimbra em 12 de Janeiro de 2010, que passou a se chamar VMWare Zimbra.

O VMware Zimbra é o maior conjunto de colaboração open source para empresas se comparado às caixas de correio pagas.
VMware Zimbra é a solução de colaboração com mais rápido crescimento na indústria  contando agora com mais de 66 milhões de caixas postais pagas e mais de 200.000 empresas que usam VMware Zimbra como a plataforma de colaboração”, afirma Jim Morrisroe, vice-presidente de Produtos Zimbra.

Para quem quer conhecer um pouco mais dessa solução segue esse o vídeo abaixo:

Michel de Rooij, do blog eightwone.com publicou um artigo comparando as duas plataformas:

Microsoft Exchange Server vs VMWare Zimbra.

Artigo: http://eightwone.com/2012/03/21/thoughts-on-vmware-zimbra-vs-microsoft-exchange/

Abraços

Aldo Alves
IT – Pro (Infraestrutura)
MCT | VCP | MCITP | MCSA | MCTS | MCDST | MCP | ITIL F | ISO/IEC 27002 |

Acompanhe Ataques Hackers em tempo real.

A Akamai disponibiliza através do site Real Time Web Monitor, a visualização de ataques hackers em tempo real de todos os lugares do mundo.

Desde que o site de compartilhamento Megaupload foi desativado, assim como outros similares, milhares de ataques hackers tem ocorrido, com o objetivo de derrubar sites ligados a comissão norte-americana SOPA. Através de uma ferramenta online, é possível ver estes ataques em tempo real, aonde estão concentrados, boa parte desses ataques são orquestrados pelo grupo Anonymous e simpatizantes, outros ataques também são relacionados a espionagem política, são muitos ataques distributed denial-of-service (DDOs) é possível ver com certa precisão, onde estão os picos de trafégo na rede, causados por ataques hackers em massa.

Também é possível verificar as regiões com maior  trafégo excessivo na grande internet mundial.

Observamos agora um gráfico que determinamos determinada origem no caso do gráfico “São Paulo” para ser o emisssor de tansmissão de um testes de envio de pacotes até “Amsterdam” aonde verificamos a latência e a quantidade de pacotes perdidos.

No gráfico abaixo observamos um medidor dos continentes aonde verificamos o trafégo de consumo total de banda.

Muitos orgãos, provedores  e pessoas se baseiam nestes gráficos para verificar indícios de anomália de tráfico na internet .

 

Aldo Alves
IT – Pro (Infraestrutura)
MCT | VCP | MCITP | MCSA | MCTS | MCDST | MCP | ITIL F | ISO/IEC 27002 |

 

Você quer ser promovido a gerente/gestor, aja como um desde já!

São várias as atribuições que um gerente ou gestor deve possuir, não existe uma fórmula exata para se tornar um gerente ou gestor da “noite para o dia”.

Pode acreditar não existem cursos ou coisas do gênero que ti deixem exatamente pronto, o que existe é uma preparação para tal dia após dia, a experiência é um ponto crucial.

Outro ponto e caracterítistica marcante desses líderes está relacionado a condução e tratativa dos problemas.

Procure  estar sempre atualizado, afinal um bom  líder conquista admiração e respeito dos seus subordinados quando prova na prática que tem experiência e conhecimento de causa, e sabe do que está falando.

Uma dica , que uso a todo momento é sempre procurar prestar atenção na desenvoltura  dos líderes que mais  admiro no cumprimento desta função você acaba sempre absorvendo por menor que seja alguma lição, acredite isso não tem preço!

Antes da ação se prepare para tal  esteja presente no dia a dia colha evidências .
Se for necessário coloque a mão na massa, defina prioridades e delegue funções afinal você não pode fazer tudo sozinho !

Encontrei 2 artigos muito interessantes breve e que trata de maneira resumida o assunto.
Segue os links abaixo abordando o tema.

Ser quer ser promovido a gerente, aja como um desde já

Você pode liderar sem tem o cargo

Fonte: http://vocesa.abril.com.br

Boa sorte !

Aldo Alves
IT – Pro (Infraestrutura)
MCT | VCP | MCITP | MCSA | MCTS | MCDST | MCP | ITIL F | ISO/IEC 27002 |

Entendendo de forma clara e descomplicada algumas mudanças nas Certificações Microsoft.

Segue um vídeo que apresenta de forma clara e descomplicada algumas mudanças nas Certificações Microsoft.


Fonte: Criado Por Rafael Bernades.

Abraços

Aldo Alves
IT – Pro (Infraestrutura)
MCT | VCP | MCITP | MCSA | MCTS | MCDST | MCP | ITIL F | ISO/IEC 27002 |