Arquivo mensal: junho 2013

Por que migrar ou implantar o Microsoft Lync Server 2013? Os benefícios do poder de uma plataforma unificada na sua empresa!

Img_UCC-Global-e1363975801505

Sem dúvida nenhuma uma das mais importantes soluções para o mercado de UC (Comunicações Unificadas) foi o lançamento do Lync Server 2013.
Sou suspeito a falar da solução, são muitas as vantagens e ganhos com a implementação da ferramenta em ambiente corporativo =) .
Acho uma excelente relação de custo – benefício.

As maiores empresas do mundo já utilizam ou estão implantando a solução.

Prova disso são pesquisas realizadas como por exemplo o respeitado Quadrante Mágico do Gartner que podemos definir superficialmente como uma representação gráfica do mercado com relação a uma categoria em um período específico ele descreve a análise de como certos fornecedores são avaliados perante critérios para aquele mercado, definidos pelo Gartner. O Gartner não endossa nenhum fornecedor, produto ou serviço descrito no Quadrante Mágico e não aconselha usuários de tecnologia a selecionarem apenas os fornecedores colocados no quadrante dos “Líderes”.

Apesar disso são muitas empresas espalhadas pelo mundo inteiro que tomam por base essas pesquisas do Gartner em seus enormes investimentos e adoção de uma solução ou projeto para sua empresa.
Para especialistas e tomadores de decisão no mercado de TI o Gartner é uma instituição muito respeitada.
Essa pesquisa foi a última publicada com base em Agosto de 2012 para categoria UC.

232192_1

Site da Publicação com maiores detalhes a respeito:
http://www.gartner.com/technology/reprints.do?id=1-1BUINJX&ct=120828&st=sb

Apesar da Cisco aparecer em primeiro não me assustaria com uma virada na próxima atualização do quadrante.
A Microsoft tem sido uma pedra no sapato da Cisco na categoria UC.
A Microsoft foi líder desde meados de 2009 em meados da atualização que ocorreu próximo ao lançamento do Lync Server 2010 em 28/07/10 a liderança foi conferida a Microsoft seguida de perto pela Cisco e Avaya.

2009

2010

A Cisco declarou publicamente guerra ao sistema de comunicações unificadas da Microsoft de acordo com a Cisco, a solução da Microsoft tem alguns gargalos. Um deles seria o não fornecimento de telefones e terminais de vídeo, aumentando o custo do projeto.

Na minha opinião é justamente ao contrário apesar da qualidade o grande problema de soluções CISCO para o UC sempre foram exatamente os custos os aparelhos são muito caros e poucas vezes passivos de conserto barato, além de proprietários inviabilizando projetos de Comunicações Unificadas em pequenas e médias empresas!
A qualidade é muito boa porém em relação ao custo acaba ficando complicado justificar a alta direção.

Falando do Lync 2013

MS_rgb_Lync_Cyan300

Para quem não conhece o Microsoft Lync Server 2013 é uma solução de UC (Comunicações Unificadas) que fornece uma sofisticada plataforma para integrar canais comuns de comunicação empresarial, é uma atualização do antigo OCS – Office Communications Server .

Ele transforma cada comunicação em uma experiência de interação mais colaborativa, envolvente e acessível, de qualquer lugar que o usuário esteja conectado a internet.
É um sistema altamente seguro e confiável utiliza estrutura de certificados de segurança, tem uma gama de possibilidades de integração com soluções de outros fabricantes além de produtos Microsoft.

Este vídeo trata de uma demonstração do dia a dia mais produtivo na empresa usando o Lync Server 2013.
A maneira mais inteligente de trabalhar.

O Lync permite a disseminação de conhecimento, troca de informações rápidas, maior interação, produtividade e sinergia de sua equipe entre inúmeras vantagens.
Inclui Mensagens instantâneas (IM), com identificador de presença com integração com o seu calendário do Outlook, a possibilidade de transferência de arquivos. O envio de invite de Reuniões pelo Microsoft Outlook, (Web conferência) para parceiros externos da organização, de forma fácil , simples e rápida, não há necessidade de ter instalado o cliente do Lync, as reuniões com os parceiros externos utilizam Navegador Web.

lync

O Lync permite também o uso de Recursos de colaboração como compartilhamento da área de trabalho e de programas e apresentações do PowerPoint, uso de quadro de comunicações com isso podem-se realizar treinamentos para sua equipe. Inclui também a possibilidade de tradução de conversas de mensagens instantâneas em mais de 35 idiomas em computadores com o cliente do Lync Server instalado e ativação de um Add-on tradutor de conversas on-line instantâneo.

Suporta Vídeo de alta definição (HD) , e exibição simultânea de até cinco vídeos de assinantes diferentes. Os usuários podem visualizar resoluções de até 1080P HD, dependendo do hardware do equipamento utilizado. Qualquer um dos apresentadores pode gravar uma reunião e salvá-la em seu computador em formato MP4. Quando você grava uma Reunião do Lync, captura áudio, vídeo, mensagens instantâneas, compartilhamento de tela, slides do PowerPoint, e whiteboard.

É possível habilitar o Lync para utilização em computadores pessoais (desktops ou laptops), navegadores, smartphones e tablets que sejam homologados pela Microsoft.
Entre outras novidades.

Este vídeo traz a escolha de 21 features do Lync 2013 segundo a escolha de especialistas.
Why we love Lync 2013.

Abraços,

Aldo Alves
IT – Pro (Infraestrutura)
MCT | VCP | MCITP | MCSA | MCTS | MCDST | MCP | ITIL F | ISO/IEC 27002 |

Anúncios

Resumo das 5 Principais Roles do System Center Configuration Manager 2012

Salve pessoal,
Segue uma imagem com um breve resumo das 5 principais roles que fiz do System Center Configuration Manager 2012.

funcoes

Abraços,

Aldo Alves
IT – Pro (Infraestrutura)
MCT | VCP | MCITP | MCSA | MCTS | MCDST | MCP | ITIL F | ISO/IEC 27002 |

Instalando SQL Server 2008 R2 para System Center Configuration Manager 2012.

Salve pessoal,
nesse tutorial vou estar mostrando passo a passo a preparação para instalação do System Center Configuration Manager 2012 (SCCM).

sccm2012

Vamos começar com a instalação do SQL Server 2008 R2.

A instalação é simples , porém é cheia de telas por isso é importante prestar atenção seguindo esses passos você garantirá que o SQL Server do seu SCCM estará devidamente instalado e configurado.

Antes de mais nada sugiro o seguinte:

– Instalar o .Net Framework4;
– Criar um grupo de segurança (SCCM Admins) no AD;

Após estes itens instalados e devidamente configurados vamos executar a ISO de instalação do SQL Server 2008 R2 e clicamos conforme as opções da imagem abaixo.

Passo 1 – É apresentado a tela inicial do SQL clicamos em Installation e posteriormente na primeira opção para a uma nova instalação do SQL Server 2008 R2.

SQL_1

Passo 2 – Nesse passo acompanhamos a checagem dos pré requisitos para passar para a próxima parte.

SQL_2

Passo 3 – É solicitado para inserir o Product Key do SQL Server 2008 R2.

SQL_4

Passo 4 – Aceite os temos para utilização do Software.

SQL_5

Passo 5 – Clique em Install.

SQL_6

Passo 6 – Novamente temos uma nova checagem.

SQL_7

Passo 7 – Selecione SQL Server Feature Instalation.

SQL_8

Passo 8 – Nesse passo podemos verificar o seguinte foi selecionado os seguintes itens:
– Em Instance Features -> Database Engine Services
– Em Instance Features -> Reporting Services
– Em Shared Feutures -> Management Tools – Basic / Management Tools – Complete

Abaixo foi criado uma nova unidade E: aonde foi alterado o diretório de instalação conforme destacado na figura.

SQL_9

Passo 9 – Nova Checagem – Para saber mais a respeito dos itens que são checados você pode clicar em Show Details.

SQL_10

Passo 10 – Vou deixar para instancia default e confirmar a instalação do Diretório da instância root do meu SQL para unidade E:

SQL_11

Passo 11 – Nesta tela temos a exibição de um Sumário a respeito de Disco.

SQL_12

Passo 12 – Nesta tela caso tenhamos uma conta de Serviço especifica para o SCCM podemos seleciona-la no meu caso vou em Account Name e colocar os serviços para NT AUTHORITY\SYSTEM uma conta de sistema local e altero os serviços para automático, clico na opção “Use the same account for all SQL Server services” e aponto para a conta de sistema local conforme imagem abaixo.

SQL_13

Passo 13 – Ainda nesta tela seleciono o Collation adequado para a instalação do SQL Server, muita atenção na seleção do Collation correto.

SQL_14

Passo 14 – Nesta tela estou selecionando o modo de autenticação do windows e seleciono aquele grupo de segurança anteriormente que havia criado no AD.

SQL_15

Passo 15 – Selecione “Install the native mode default configuration”.

SQL_16

Passo 16 – Prossiga.

SQL_17

Passo 17 – Temos mais uma checagem.

SQL_18

Passo 18 – É exibido um sumário das opções que selecionamos.

SQL_19

Passo 19 – Completado a instalação.

SQL_20

Passo 20 – Após esses passos você deve fazer o download e instalar o Service Pack 1 do SQL Server 2008 R2 , e após concluído a instalação baixe e instale o Cumulative Update 4 do SQL Server 2008 R2 SP1.
Não tem muito segredo nessas partes é só fazer o download next – next e next.

Passo 21 – Neste passo após ser tudo instalado vamos entrar no Microsoft SQL Server Management Studio e clicar como o botao direito entrar em Propriedades e conferir o Collation e a versão do SQL instalado.

SQL_21

Passo 22 – Ainda na mesma tela opçõa memory definimos a memória mínima para 8192 e a memória máxima para o que você deseja disponibilizar.

SQL_22

Passo 23 – Neste passo vamos abrir o grupo Administradores local e selecionar o objeto Computeres e adicionar a conta de computador do servidor que estamos realizando a instalação conforme passo 23 e 24.

SQL_23

Passo 24

SQL_24

SQL instalado e pronto para instalação do SCCM.

Abraços,

Aldo Alves
IT – Pro (Infraestrutura)
MCT | VCP | MCITP | MCSA | MCTS | MCDST | MCP | ITIL F | ISO/IEC 27002 |

Introdução a Engenharia Reversa e Análise de Malware

Quem nunca quando criança já desmontou algum brinquedo ou carrinho seja ele pelo prazer de destruir o brinquedo ou até mesmo para mentes mais brilhantes por motivo de curiosidade em entender como aquilo funcionava, e tentar monta-lo novamente se conseguíssemos montar seria uma outra história. =)

Fato é que a engenharia reversa nos permite em a partir de uma solução pronta, estudarmos tal objeto e os conceitos e até desenvolve-los ou criar algo novo a partir desta ideia.
Além do fato de que esta análise pode ser usada para saber o real impacto e a extensão de por exemplo uma situação em que um ambiente de uma empresa que foi contaminado por um malware.

Muitas empresas de fora do país da indústria e outros ramos que possuem informações sigilosas, possuem ou caminham para estruturar profissionais especializados nessa área, aqui no Brasil a demanda é crescente.

engenharia_reversa

Existem cursos para Engenharia reversa e análise de Malware/Vírus que ensinam técnicas e a utilização de programas como Identificadores PE , Disassemblers e Debuggers e Descompiladores.

Caso exista interesse em saber mais a respeito você pode consultar o livro Practical Malware Analysis atualmente é um dos livros mais badalados sobre o assunto, eu particularmente não li mais os especialistas no assunto dizem é um dos mais completos no assunto, além de trazer teoria é um ótimo guia hand´s on mão na massa.

practicalmalwareanalysis

Você pode compra-lo clicando aqui:

Em outra oportunidade aqui no Blog foi publicado um artigo a respeito do Backtrack com um curso free de uma comunidade de hackers éticos uma distribuição especializada em PenTesting e invasão de sistemas.

A demanda pela análise de Malwares é tão cresecente que fez nascer uma distribuição baseada em Ubuntu chamada EMnux que possui um conjunto de ferramentas e utilitários para ajudar na prática de engenharia reversa de um malware .

rem

Você pode fazer o download dessa distribuição clicando Aqui!

O que eu gostaria de mostrar é uma ferramenta muito útil, utilizada muitas vezes por especialistas no processo de engenharia reversa de um malware, por melhor que você tenha um sistema de antivírus e firewall configurado nunca estará resguardado 100%.

Pois bem o Vírus Total é um serviço gratuito subsidiário do Google que analisa arquivos e URLS suspeitas e facilita a rápida detecção de vírus, worms, cavalos de tróia e todos os tipos de arquivos maliciosos.
A missão do VirusTotal é ajudar na melhoria da indústria de antivírus e de segurança e tornar a internet um lugar mais seguro, através do desenvolvimento de ferramentas e serviços gratuitos.

virus_total

https://www.virustotal.com/pt/
Esta ferramenta é disponibilizada gratuitamente para os usuários finais, desde que a sua utilização não tenha finalidade comercial.

Você envia um arquivo suspeito, é pesquisado em um banco de dados com vários engines de players das empresas de combate de arquivos maliciosos .
Imagine a seguinte situação o anti-virus que você possui detecta o programa malicioso porém não surti efeito na remoção adequada outro engine de outro fabricante pode reconhecer o programa malicioso por outro nome, você pode identificar este nome através dessa ferramenta e buscar uma solução fora de outro fabricante.
Arquivos e URLs enviadas para VirusTotal serão compartilhadas com fornecedores de antivírus e empresas de segurança, de modo a ajudá-los a melhorar os seus serviços e produtos.

v1

Traz informações a respeito dos arquivos como a identificação de software assinados.

As assinaturas de malware de soluções antivírus presentes no VirusTotal são atualizados periodicamente à medida que são desenvolvidos e distribuídos pelas empresas de antivírus. A frequência de consulta de atualização é de 15 minutos, isso garante que os produtos estão usando os mais recentes conjuntos de assinaturas.

v2
São disponibilizaos aplicativos de desktop e ferramentas para interagir com o serviço (de um clique upload de arquivos, extensões do navegador, etc.)

Espero que essa ferramenta seja útil a vocês.

Abraço

Aldo Alves
IT – Pro (Infraestrutura)
MCT | VCP | MCITP | MCSA | MCTS | MCDST | MCP | ITIL F | ISO/IEC 27002 |