Arquivo da categoria: Microsoft Exchange Server 2010

Auditoria de e-mails enviados ocultos no Exchange Server 2010

De fato Exchange Server é atualmente a melhor solução de MTA, bastante utilizada no mercado por empresas de pequeno, médio e grande porte.

Hoje já na sua versão 2013 com inúmeros melhoramentos costumamos a brincar e dizer que o principal concorrente do Exchange Server 2013 é o Exchange 2010 assim como do Exchange 2010 o 2007.

exchange

Hoje vamos demonstrar um pouco do que é possível realizar com pouquíssimos cliques de forma rápida e descomplicada , vamos abordar um pouco sobre uma poderosa ferramenta chamada Message Tracking .

Através dessa ferramenta podemos verificar o fluxo de envio e recebimento e realizar o troubleshooting de mensagens, certamente é uma das ferramentas indispensáveis utilizada diariamente por um especialista de correio.

Vamos demonstrar um cenário no Exchange Server 2010 em que há a seguinte necessidade:

– Verificar se um colaborador em especifico de nossa empresa está enviando e-mails ocultos.

auditoria

Na imagem abaixo estamos simulando o envio de e-mails a uma conta externa alves_aldo@hotmail.com através da conta corporativa aldo_alves@tecworking.local podemos notar que foi definido como oculto(CCO).

message_1

Agora com a conta de Administrator do domínio estou logado no EMC do Exchange vou na opção ‘Tools’ e depois ‘Message Tracking’, conforme imagem abaixo.

message_2

Após isso será nos solicitado a entrada com a conta com privilégios necessários.

message_3

Podemos observar na imagem abaixo que escolhemos a caixa de correio: ‘Aldo Alves’ para pesquisa e nos outros campos não definimos nenhum parâmetro.

message_4

Podemos ver o resultado da pequisa na imagem abaixo:

message_5

Abraço!

Aldo Alves
IT – Pro (Infraestrutura)
MCT | VCP | MCITP | MCSA | MCTS | MCDST | MCP | ITIL F | ISO/IEC 27002 |

Anúncios

Disaster Recovery de Exchange Server 2010 desvendando os seus segredos!

Recentemente tive a oportunidade de elaborar um DRP – Disaster Recovery Plan do ativo de Correio  “Microsoft Exchange Server 2010”.
Um dos cenários de Desastre que achei interessante é este e gostaria de compartilhar com vocês .

Imagine as seguintes situações de Desastres:

  • Seu Hardware Físico do Exchange Server pegou fogo, ou ainda teve problemas na placa mãe e não tem reposição de peças por parte do fabricante.
  • Seu Hard Disk que contém todo o sistema operacional assim como a instalação do Microsoft Exchange Server 2010 foi comprometido está com problemas de ordem física.
  • O seu estagiário sem querer entrou na LUN e deletou o VHD ou o VMDK do Sistema Operacional do Exchange Server 2010.
  • O seu disco virtual está corrompido após várias tentativas é inútil, você já jogou a toalha.

E pra piorar a situação você não tem um DRP – “Disaster Recovery Plan” para um dos ativos de Informação mais importantes da sua empresa o seu servidor de Correio.

  • Mais ainda há uma luz no final do túnel você ainda tem a o disco virtual,  aonde quando você foi criterioso ao fazer a implantação do Exchange Server 2010 usou de forma coerente outro disco virtual ou ainda possui todo o backup das Databases (mailbox dos usuários).
  • Você não utiliza um “DAG” (grupo de disponibilidade de banco de dados), aonde essa solução pode ser feita com os procedimentos abaixo.

Pois bem, é em cima desses cenários que vou lhe apresentar uma solução para Disaster Recovery do Exchange Server 2010.

O que vamos fazer aqui é basicamente é reconstruir o Servidor de Exchange Server 2010 com base nas configurações armazenadas no Active Directory usando a  opção /m:RecoverServer.
Este processo é possível  devido  a maioria das configurações de um computador executando o Exchange 2010 serem armazenadas no Active Directory.

A recuperação de um servidor do Exchange perdido frequentemente é realizada usando um hardware novo. No entanto, você também pode usar um servidor existente.

Pré Requisitos relevantes antes de começar:

  1. O servidor no qual a recuperação está sendo realizada deve estar executando o mesmo sistema operacional do servidor perdido. Por exemplo, você não pode recuperar um servidor que executava o Exchange 2010 e o Windows Server 2008 em um servidor executando o Windows Server 2008 R2, ou vice-versa.
  2. O servidor no qual a recuperação está sendo realizada deve ter as mesmas características de desempenho e configuração de hardware do servidor perdido.
  3. O procedimento a seguir pode ser executado em um servidor do Exchange 2010 que tenha as funções de servidor de Unificação de Mensagens, Acesso para Cliente, Transporte de Hub ou Caixa de Correio instalado. Não é possível usar Setup /m:RecoverServer para recuperar um servidor de Transporte de Borda.

OBS: Ao acabar o processo de recuperação o EMC do Exchange vai fazer referências  as databases  “desmontadas” porém lembre-se que este processo não restaura as bases de dados, é necessário restaurá-las manualmente esse processo pode ser feito com um restore do Backup das databases pelo software gerenciador de Backup ou se você tem um disco virtual separado poderá atacha-lo no seu Servidor e tentar montar as Bases.

Quando você usa o parâmetro /mode:recoveyserver com o Exchange Setup, o novo servidor precisa ter o mesmo nome do servidor que ele estará substituindo e ter uma configuração de unidade correspondente para as unidades que continham os dados do Exchange. Com isso em mente, você pode recuperar todas as atribuições (exceto para Servidores Mailbox que fazem parte de um grupo de disponibilidade de banco de dados).

Você não pode usá-lo como uma ferramenta de reparo, para fazer recuperação de uma instalação ou desinstalação com falha ou para reconfigurar um servidor.

Além disso, esse processo não restaura configurações personalizadas que estavam armazenadas no servidor ou nos bancos de dados do Exchange é um processo de recuperação de emergência (ou seja é um Disaster Recovery não contempla plano de continuidade).

Exorcizando o Capeta..rs

1- Redefina a conta de computador do domínio para o servidor perdido. No “Usuário e Computadores do Active Directory” clique com o botão direito do mouse no nome do computador e, em seguida, clique em Reset Account conforme imagem do cenário abaixo.

2 – Instale o novo servidor e certifique-se de dar a ele o mesmo nome do servidor antigo e uma configuração de unidade correspondente para as unidades que continham dados do Exchange.

3- Ingresse o servidor no mesmo domínio do servidor perdido

4 – Instale os componentes do sistema operacional e pré-requisitos necessários, para evitar problemas é interessantes instalar o service pack e updates reproduzindo o máximo possível de semelhança ao nosso antigo falecido servidor com problemas.

Após instalação do sistema operacional devemos instalar todos os pré-requisitos para instalação de um novo servidor Exchange Server 2010.


Preparando para instalação do Exchange Server 2010.

Devemos fazer o download do Microsoft Filter Pack e instalar.
Em Server Manager -> Features  devemos instalar as seguintes:

Em seguida Start -> Run -> Services.msc [Enter]
Alterar o Startup Type para automático e Startar o serviço.

5 – Faça logon no servidor que está sendo recuperado e abra um prompt de comando.
6 – Navegue até os arquivos de instalação do Exchange 2010 e execute o seguinte comando:

Setup/mode:RecoverServer



Você deve aguardar a inicialização do assistente , após inicio, podemos verificar abaixo que o sistema de checagem de roles detectou dois componentes faltantes.
É sempre importante olharmos os logs de instalação gerados na partição do sistema, neste caso a recuperação não pode continuar.

Conforme observamos é necessário a instalação de duas roles na Feature do IIS.

Vamos instalar e logo após reiniciar o servidor e retornar a recuperação.

Após este executamos novamente o comando.

Setup/mode:RecoverServer


Aonde podemos observar na imagem abaixo que todas as roles do Exchange Server 2010 puderam ser recuperadas com sucesso do nosso Active Directory.

No nosso caso no ambiente anterior não existia um send conector, aonde foi relatado na figura abaixo.

Um detalhe importante após este processo é recomendável reiniciar o servidor, antes de tentar abrir o console do EMC do Exchange Server.
Logo após o restartar o servidor novo será necessário abrir o EMC do Exchange Server e percebemos que o processo foi efetuado com sucesso.

Para finalizar com sucesso a recuperação no meu cenário eu vou desatachar a unidade nova que havia adicionado e atachar a unidade E: do antigo servidor onde ficam armazenados os databases .

Após isso entro no EMC do Exchange e consigo montar minhas bases normalmente.

Considerações : Verifiquei na zona primária o antigo IP do meu falecido servidor do Exchange e atribui ao novo para não ter problemas com IP/resolução de nome.

Parabéns !Sucesso !

Você não compremeteu seu Active Directory fez conforme as práticas recomendadas da Microsoft e conseguiu fazer o Disaster Recovery de pelo menos parte muito importante do seu ambiente!

Espero ter ajudado até a próxima.

Abraços,

Aldo Alves
IT – Pro (Infraestrutura)
MCT | VCP | MCITP | MCSA | MCTS | MCDST | MCP | ITIL F | ISO/IEC 27002 |


Comparando o Google APPS ao Microsoft Exchange !

Você está pensando em utilizar o Google APPS ou o Microsoft Exchange Online ??

A Microsoft  preparou uma página específica para comparar o Google APPS ao Microsoft Exchange Online vale a pena conferir!

http://www.microsoft.com/exchange/en-us/google-apps.aspx
Aldo Alves
IT – Pro (Infraestrutura)
MCT | VCP | MCITP | MCSA | MCTS | MCDST | MCP | ITIL F | ISO/IEC 27002 |

Por que mudar do Lotus Domino/Notes para o Exchange 2010?

Artigo muito bom da Microsoft .

Por que mudar do Lotus Domino/Notes para o Exchange 2010?

Microsoft responde!

http://www.microsoft.com/exchange/2010/pt/br/notes.aspx
Abraços

Aldo Alves
IT – Pro (Infraestrutura)
MCT | VCP | MCITP | MCSA | MCTS | MCDST | MCP | ITIL F | ISO/IEC 27002 |

VMWare Zimbra almejando o mercado do Microsoft Exchange Server

Quem me conhece pessoalmente sabe que sou fã incondicional do Microsoft Exchange Server, ainda mais com essa última versão a 2010, aonde trouxe melhoras significativas , entre elas podemos citar  a da figura abaixo a redução do número de “IOPS” aonde há muitos anos foi um dos pontos de maior atenção dos Implementadores e Administradores de Correio dessa maravilhosa ferramenta.

Você já ouviu falar do Zimbra ou do VMWare Zimbra?

A VMWare comprou a Zimbra em 12 de Janeiro de 2010, que passou a se chamar VMWare Zimbra.

O VMware Zimbra é o maior conjunto de colaboração open source para empresas se comparado às caixas de correio pagas.
VMware Zimbra é a solução de colaboração com mais rápido crescimento na indústria  contando agora com mais de 66 milhões de caixas postais pagas e mais de 200.000 empresas que usam VMware Zimbra como a plataforma de colaboração”, afirma Jim Morrisroe, vice-presidente de Produtos Zimbra.

Para quem quer conhecer um pouco mais dessa solução segue esse o vídeo abaixo:

Michel de Rooij, do blog eightwone.com publicou um artigo comparando as duas plataformas:

Microsoft Exchange Server vs VMWare Zimbra.

Artigo: http://eightwone.com/2012/03/21/thoughts-on-vmware-zimbra-vs-microsoft-exchange/

Abraços

Aldo Alves
IT – Pro (Infraestrutura)
MCT | VCP | MCITP | MCSA | MCTS | MCDST | MCP | ITIL F | ISO/IEC 27002 |

You must close all dialog boxes before you can close Exchange Management Console como resolver?

Se você está tendo problemas ao tentar finalizar o EMC , o seu Exchange Management Console no Exchange Server 2007 ou Exchange Server 2010 .

É apresentado a seguinte mensagem:

Se trata de uma incompatibilidade do Internet Explorer 9 com o Exchange.
Esse problema é resolvido com a instalação de um Hotfix.

Saiba o porque e como resolve-lo neste link (Maiores Informações):
Blog oficial do time de produto do Exchange Server .

http://blogs.technet.com/b/exchange/archive/2011/10/17/a-fix-for-the-interoperability-issues-between-exchange-2007-and-2010-emc-and-ie9-is-now-available.aspx
Até a próxima

Abraços

Aldo Alves
MCITP | MCTS | MCSA | MCDST | MCP |ITIL F

Adicionando e-mails a White List do Exchange Server 2010.

Se você é Administrador do correio da sua empresa com certeza já passou pela necessidade de adicionar endereços de e-mails externos a White List ou seja a lista de remetentes seguros ou permitidos do correio de sua empresa.

Todos os endereços que estiverem nessa lista serão tratados como exceção ou seja não estarão sujeitos a qualquer um dos recursos de filtragem do spam do seu correio.

Segue uma dica passo a passo e bem simples para você fazer isso, de forma funcional e bem prática:

Vamos fazer isso através da função do Egde Transport Server pelo Exchange Management Shell o responsável por isso é o ContentFilter.

Certo de que as mensagens do seu servidor de correio são tratadas pelo ContentFilter.

Através do comando abaixo vamos verificar a lista de endereços da White List:

Get-ContentFilterConfig

A propriedade responsável aonde podemos verificar os endereços que estão no White List é a BypassedSenders:

Agora que já vimos a lista vamos a inclusão do endereços nesta:

Podemos usar o comando abaixo:

set-contentfilterConfig-BypassedSenders user1@example.com

caso tenhamos mais de um endereço para incluir na lista podemos utilizar “,” outro endereço@user.com.br para complementar o comando.

Fica a dica
Até a próxima

Abraços

Aldo Alves
MCITP | MCTS | MCSA | MCDST | MCP |ITIL F

Colocar foto dos funcionários no Exchange Server 2010.

Hoje a dinâmica de contratação de novos funcionários nas empresas tem sido cada vez maior.
Muitas pessoas trabalham em Filiais distantes e não temos ao menos a oportunidade de saber como elas são, apesar da interação diária por e-mail e etc.

Um recurso bastante interessante é o de adicionar a foto dos colaboradores na GAL do Exchange Server 2010.
Sendo assim podemos apontar para uma pasta na qual as fotos 3×4 dos colaboradores serão colocadas pelo RH de sua empresa, e usamos um programa ou script para adicionar tais fotos , podendo ser vizualizadas através do Outlook 2010 pelos funcionários de sua empresa.

A grande novidade é que envolvia o uso de Scripts em Power Shell , apresento-lhes o Outlook Photos da empresa Exclaimer basicamente é um programa que nos permite Gerenciar as fotos da GAL no Exchange Server 2010.

Segue o resultado:


Vantagens:

– Funciona muito bem , é fácil de gerenciar e aplicar atualizações ;
– Poupa boa parte do tempo sendo realizado através dele ao invés de scripts no Power Shell;
– Pode ser usado pela equipe de Service Desk ;
– É free o uso é gratuito;

Segue o  link para fazer o download do programa:
http://www.exclaimer.com/products/outlook-photos/default.aspx
Até a próxima.

Aldo Alves
MCITP | MCSA | MCTS | MCDST | MCP | ITIL F